As aventuras de Gulliver e a matemática

Qual a quantidade de comida um gigante deve comer?

A Matemática pode ser muito útil para resolver desde problemas simples do dia a dia, como receber ou dar um troco, até as grandes questões científicas, como a origem e o tamanho do universo. Mas é preciso ter cuidado quando passamos do mundo matemático para o mundo real. A história que contarei é um exemplo disso.

No livro fantástico As Viagens de Gulliver, o médico e capitão de navio Lemuel Gulliver encontra seres minúsculos chamados liliputianos. E, quando chega a hora em que eles têm que alimentar o gigante, surge a questão: – Quanta comida por dia devemos dar ao gigante, comparando com o que um de nós come por dia?

 


pedro_roitman

Pedro Roitman,
Instituto de Matemática,
Universidade de Brasília

Sou carioca e nasci no ano do tricampeonato mundial de futebol – para quem é muito jovem, isso aconteceu em 1970, século passado! Enquanto fazia o curso de Física na universidade, fui encantado pela Matemática. Hoje sou professor.

Edição Exclusiva para Assinantes

Para acessar, faça login ou assine a Ciência Hoje das Crianças

admin

CONTEÚDO RELACIONADO

Mar, misterioso mar!

Cheio de vida e de surpresas, o oceano mexe com a imaginação da gente.

O mistério da maçã marrom

Hora de se divertir com experimentos e atividades!